01-03-2020

Apoio à manifestação popular prevista para 15 de março de 2020 cresce vertiginosamente

 Apoio à manifestação popular prevista para 15 de março cresce vertiginosamente, e as reinvindicações atingem diversas instituições primordiais à ordem democrática, como Congresso Nacional e Supremo Tribunal Federal.

 

 

O chamado movimento Avança Brasil define-se como livre e de bons costumes, e defende um Estado liberal. As reinvindicações vão desde o fechamento do STF, até o impeachment de Rodrigo Maia.

 Ainda, avança em defesa do Presidente Bolsonaro, do Ministro Sérgio Moro, do pacote anticrime, da prisão em segunda instância e da escola sem partido.

O apoio à recente fala do General Heleno, em relação a uma suposta chantagem recorrente da Câmara dos Deputados contra o Governo Federal, é um dos estopins do que pode ser uma das maiores manifestações contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal.

As palavras de ordem, em síntese, são: não ao parlamentarismo branco, não as chantagens do congresso e não às “fake news”, se preparem congresso nacional e STF, e pedido de respeito ao resultado da eleições, à separação dos Três Poderes e à Constituição Federal.

O movimento afirma ainda que alguns políticos corruptos são o maior desafio de governabilidade.

OBS: Este post não expressa a opinião política dos profissionais do Escritório, tendo conteúdo apenas informativo, por relevância jurídica, social e política. 

O Frozi e Pessi Escritório de advocacia não atua na área do Direito Eleitoral!

OBS: Sempre procure seu advogado de confiança e informe-se.

 

 

Deixe a sua opinião

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Campos com * são obrigatórios.
Enviar WhatsApp Inicie uma conversa por WhatsApp